Dei uma oportunidade ao amarelo

Nunca pensei em ter uma peça amarela no meu guarda-roupa, muito menos uma camisa. O amarelo é das cores que menos gosto, tal como o amarelo e o roxo.

Há alguns dias estava a fazer compras com a minha mãe e ela sugeriu-me que experimentasse esta camisa da Zara. Gostei imenso do modelo e do tecido, o linho, mas a cor fez-me ficar reticente. Continue reading “Dei uma oportunidade ao amarelo”

Sítios a visitar na Madeira (Parte 1)

Boas pessoal!!

Da última vez que estive na Madeira foi comigo uma grande amiga, a Júlia Orige e andámos a passear pela ilha. Por isso, decidi escolher alguns dos melhores sítios a visitar na ilha, confiram:

Funchal

A primeira cidade da Madeira, com mais de 500 anos de história e com uma beleza muito caraterística. Esta cidade distingue-se por ser um anfiteatro natural com vista para o mar e por todos os encantos e eventos que possui. É também muito conhecida principalmente pelo espetáculo de fogo de artifício no final de ano. (Podem consultar um vlog do youtube acerca da passagem de ano na ilha clicando aqui)

Ed3Ed4DSC_9093

2. Paúl da Serra

Também já escrevi sobre o planalto mais alto da ilha no blog (podem consultar aqui). Com uma estrada que parece não ter fim, quase se sentirão a passar pela Austrália. Além de ser um sítio muito bonito, é ótimo para ter contacto com a natureza e para fazer piqueniques. Sem dúvida, um sítio a não perder!

Ed9Ed10Ed11

3. Pico do Areeiro

O segundo pico mais alto da ilha. Tem a vantagem de acesso de carro e proporciona uma experiência incrível pois está acima do nível das nuvens. Tem também ligação por vereda com o Pico Ruivo, o pico mais alto da ilha.

DSC_8830DSC_8821

4. Caniçal

O Caniçal é uma freguesia da Madeira com um clima bastante diferente das outras. Além de ter excelentes praias, como a pedradeira (cliquem aqui) ou a prainha, uma praia de areia escura, possui vários miradouros e uma vereda espetacular, a vereda do cais do sardinha, que termina na ponta de São Lourenço, uma das extremidades da Madeira.

Ed1Ed2DSC_8727

5. Cabo Girão

O cabo mais alto da Europa e o segundo mais alto do mundo. E sim, também se localiza na Madeira. O Miradouro, recentemente renovado, possui um chão de vidro que nos permite estar a 580 metros de altura suspensos. Bonito ou assustador?

Ed6Ed5

6. Ponta do Sol

Uma pequena freguesia que é caraterizada por ser dos sítios da ilha com maior exposição de sol, daí o nome da freguesia. Muito agradável para um passeio de final de tarde ou para um dia de praia.

Ed13Ed12DSC_9692

7. Eira do Serrado

Este miradouro é de cortar a respiração a qualquer um. Com vista para o Curral das Freiras, freguesia localizada no centro da ilha com altitude abaixo do nível da água do mar totalmente rodeada por montanhas. Impressionante, não é?

DSC_9155

8. Seixal

Já escrevi sobre a praia de areia escura no Seixal (podem consultar aqui), uma das minhas praias preferidas e das mais bonitas da ilha. Só por isso, já aconselho a visitarem e aproveitarem um dia de praia por aqui. Possui umas piscinas naturais muito bonitas e ótimas para dar um merguho.

Ed7Ed8

9. Porto Moniz

Conhecido principalmente pelas magníficas piscinas naturais que servem muitas vezes de cartaz turístico da ilha, o Porto Moniz acaba por ser uma grande atração no verão. Recomendo vivamente!

DSC_9558

E pronto, estes foram 9 dos melhores sítios a visitar na ilha da Madeira. Em breve publicarei a 2ª parte, com mais sítios espetaculares para visitarem caso passem férias na ilha!

Tudo a correr bem por esse lado, e sejam felizes 🙂

Apresentar o Carnaval na Terra-Natal

Boas pessoal!!

Apresentar um evento é sempre muito divertido, principalmente se estiver rodeado de pessoas alegres e divertidas, como acontece no Carnaval.

Quando recebi a proposta para apresentar o carnaval no Caniçal juntamente com o baterista, e meu tio, Miguel Moreira, nem ponderei duas vezes e aceitei prontamente. As pessoas do Caniçal são, por natureza, muito alegres, bem-dispostas e descontraídas e, achei que seria ótimo apresentar pela primeira vez um evento na minha Terra-Natal.

Contudo, ao chegar ao local indicado houve uma pequena mudança de planos que me agradou imenso e que considerei ser um grande desafio mas que me ia dar mais experiência e à vontade. Propuseram-me, em vez de estar apenas em palco, ficar no meio dos grupos a entrevistá-los e a recolher depoimentos sobre a experiência que estavam a viver. Apesar de ser um grande desafio, pois exige muito mais de improviso, diverti-me imenso. Todas as pessoas que tive a oportunidade de entrevistar foram impecáveis e iam respondendo a tudo com grande sinceridade e alegria, fazendo com que as duas horas de evento passassem mesmo a correr.

O carinho das pessoas que me iam encontrando, pedindo para tirar fotografia comigo e dando palavras de incentivo para que continuasse sempre a lutar pelos meus objetivos encheram-me completamente o coração. Por isso, sempre que for convidado para apresentar eventos para este público maravilhoso, desde que esteja na ilha, aceitarei prontamente!

Tenho a agradecer à Junta de Freguesia do Caniçal, à Câmara Municipal de Machico por tornarem o evento espetacular e, especialmente, à Presidente da Casa do Povo do Caniçal, a senhora Rosa Silva, por toda a simpatia e pela bonita dedicatória quando fui chamado ao palco no final do evento!

Muito obrigado CANIÇAL ❤

Ed11Ed2Ed8Ed10Ed5Ed7Ed9Ed3Ed1Ed4

Tudo a crer bem por esse lado, e sejam felizes!