Fiz o “Peeling de Diamante”

Boas pessoal!

Estou prestes a celebrar os meus vinte e três anos. E sei que se não cuidar bastante da pele agora, não estará em bom estado daqui a alguns anos.

Já escrevi um post sobre cuidados a ter com o rosto (que podem consultar clicando aqui) e, recentemente, decidi experimentar um tratamento que nunca tinha feito, o “Peeling de diamante”. Continue reading “Fiz o “Peeling de Diamante””

Dois anos do “Metropolitan Boy”

Boas pessoal!

Sei que sou bastante esquecido em relação a datas. Os meus amigos muitas vezes ficam chateados quando não me lembro da data de aniversário deles. E chegou ao cúmulo de não me lembrar do dia em que o meu blogue completou dois anos, o dia 15 de junho. Continue reading “Dois anos do “Metropolitan Boy””

Badajoz à vista!

Boas pessoal!

Finalmente fui a Campo Maior! À pequena vila no Alentejo, a 15 minutos de carro de Espanha, que viu crescer a minha melhor amiga, a Rita Antunes.

Estava imenso calor e o sol era abrasador. O que não nos impediu de passear e de conhecer o máximo do Alentejo nos três dias em que lá estive. Tinha imensa curiosidade em conhecer esta região, pois já ouvia falar dela desde o primeiro ano de faculdade, em 2015 (ano em que conheci a Rita). Continue reading “Badajoz à vista!”

Sol e Felicidade

Boas pessoal!

Deixo-me influenciar demasiado pela meteorologia. Muito mais do que gostaria até. De certo modo, é bastante bom, pois acordo bem-disposto nos dias típicos de verão, com calor, com sol. Por outro, quando sinto chuva, torna-se um sacrifício levantar-me da cama e aproveitar o dia. Continue reading “Sol e Felicidade”

A minha experiência com crises existenciais

Boas pessoal!

Tive a minha primeira crise existencial muito cedo, talvez à volta dos dez anos. Provavelmente foi nesta idade que tive o primeiro grande choque com a realidade. No fundo, sempre soube que ninguém era insubstituível num mundo tão grande. Haverá sempre alguém capaz de fazer melhor do que aquilo que fazemos, que sabe mais acerca do assunto que consideramos dominar ou que veja o mundo com mais clareza do que vemos. Continue reading “A minha experiência com crises existenciais”

Rendi-me aos padrões da Versace

Boas pessoal!

Durante muito tempo não era fã de padrões, apesar de sempre ter gostado do estilo da Versace. Em vida, Gianni Versace marcou a sua diferença na história da moda por estes padrões arrojados. Mas a moda é cíclica e, algumas décadas depois, voltaram a ser usados. Continue reading “Rendi-me aos padrões da Versace”

Frankfurt, Alemanha

A Alemanha é um país que me fascina. Não propriamente pelas pessoas ou pela beleza do país em si. Fascina-me pela história. Por já ter batido no fundo várias vezes e ter sempre conseguido reerguer-se. Por ter-se tornado uma potência económica mais do que uma vez, mesmo tendo ficado destruída duas vezes pelas guerras mundiais. Continue reading “Frankfurt, Alemanha”

Tardes de domingo

Boas pessoal!

Neste momento escrevo da Alemanha. É sempre bom ver as coisas de uma perspetiva mais afastada, longínqua é diferente daquela que temos acesso enquanto estamos emersos na nossa realidade. No nosso pequeno “mundinho”. Acho que só vendo as coisas de fora nós conseguimos distanciar da nossa realidade e não nos deixar sufocar por ela. Continue reading “Tardes de domingo”

Não sei lidar com a falta de rotina

Boas pessoal!!

Voltar à rotina, para mim, é sempre um pouco difícil. Especialmente neste ano, em que aparentemente tenho muito tempo “livre”, mas tenho de o organizar bem para não deixar acumular demasiado trabalho. Continue reading “Não sei lidar com a falta de rotina”

Completei 100 publicações!

Boas pessoal!

Fiquei surpreendido quando recebi uma mensagem do wordpress (site em que criei o blogue) a felicitar-me por ter publicado cem posts no blogue, com a publicação “Gabardine: como tornar um look arrojado”, que podem consultar clicando aqui. Continue reading “Completei 100 publicações!”