Sessão fotográfica na praia do Seixal

Boas pessoal!

Após nove meses separados, finalmente recebi a visita de uma grande amiga minha, a Júlia Orige, criadora do blogue de viagens “Quem vai e quem fica” (Podem aceder ao blogue clicando aqui). Conhecemo-nos durante o curso, vivemos juntos durante algum tempo, aprendemos muito um com o outro e tornámo-nos companheiros de vida. Continue reading “Sessão fotográfica na praia do Seixal”

A bordo do “Madeira Sea Emotions”

Boas pessoal!

“Todas as pessoas deviam ter a oportunidade de fazer uma viagem destas”, disse a Rita a meio da viagem de barco do “Madeira Sea Emotions” (podem consultar o instagram clicando aqui). Continue reading “A bordo do “Madeira Sea Emotions””

23 anos: recomeçar e continuar!

Boas pessoal!

Cheguei aos vinte e três anos! E muito melhor do que esperava. Sinto-me ótimo neste momento, muito melhor do que me senti durante alguns anos. Sinto que não há nada melhor do que sentir-me vivo e feliz sem nenhum motivo aparente. Continue reading “23 anos: recomeçar e continuar!”

Badajoz à vista!

Boas pessoal!

Finalmente fui a Campo Maior! À pequena vila no Alentejo, a 15 minutos de carro de Espanha, que viu crescer a minha melhor amiga, a Rita Antunes.

Estava imenso calor e o sol era abrasador. O que não nos impediu de passear e de conhecer o máximo do Alentejo nos três dias em que lá estive. Tinha imensa curiosidade em conhecer esta região, pois já ouvia falar dela desde o primeiro ano de faculdade, em 2015 (ano em que conheci a Rita). Continue reading “Badajoz à vista!”

Bons reencontros

Boas pessoal!

Sabem aquela sensação boa de passar um bom tempo com amigos com quem já não estávamos há algum tempo, mas que quando nos juntamos é como se convivêssemos frequentemente? Continue reading “Bons reencontros”

Finalmente de férias!

Finalmente de férias!!

Confesso que já estava mesmo a precisar de descanso e que estava muito perto do limite. Apesar de gostar muito de tudo o que faço, às vezes é necessário fazer uma pausa para descansar e sentir a falta daquilo que se faz para recuperar a paixão, no meu caso pela comunicação. Continue reading “Finalmente de férias!”

Fim de semana na Costa da Caparica

Boas pessoal!!

Sabem aquelas alturas em que só apetece estar perto da água salgada, sentir o sol na pele e a brisa do mar na cara?

Já estava a sentir a falta disso há imenso tempo, e depois de dez dias seguidos de estágio, a Costa da Caparica pareceu-me a melhor solução para conseguir sair do ambiente de Lisboa e relaxar totalmente. Continue reading “Fim de semana na Costa da Caparica”

Queima das Fitas

Passaram-se três anos. Passaram e durante os mesmos muita coisa se passou.

Lembro-me perfeitamente do dia em que tive oficialmente de deixar a ilha. De me ter despedido dos meus familiares mais próximos no dia anterior, de não querer soltar os meus avós, os meus tios e os meus primos. Foi uma despedida muito dolorosa. Principalmente por ser tão apegado à minha família como sou. Olhando para trás, admiro toda a força que tive nesse momento. Continue reading “Queima das Fitas”

Pelo Oriente a recordar a infância

Boas pessoal!!

Há sítios incríveis. Sítios que nos fazem bem, libertam boas energias e que nos fazem sentir com uma disposição incrível.

Todos temos este tipo de cantos que nos encantam. Em Lisboa, uma das zonas que mais gosto de passear é o Oriente. Esta zona, que antes da Expo98 não era nada valorizada, atualmente é um dos sítios que mais gosto em Lisboa.

Não sei se é por ter estado presente, com 2 anos, na Expo98 e ter-me metido num dos “vulcões” para me refrescar, visto que o calor fazia-se sentir com intensidade, ou pelo meu batismo de praxe ter sido exatamente no mesmo vulcão, sinto aqui uma tranquilidade que me faz sentir em casa.

Além disso, algo que me faz bem é estar a passear perto do rio. A segurança que sinto é muito parecida à que sinto quando estou na Madeira, em que abro a janela e tenho o mar mesmo à minha frente logo de manhã.

Apesar de ser uma zona muito frequentada, tanto por portugueses como por estrangeiros, devido ao elevado comércio e serviços existentes na zona, acaba por não ser o típico de zona turística porque muita gente aproveita para passear calmamente, para fazer exercício ou apenas para aproveitar uma tarde para relaxar.

A partir da altura da Expo98 passou também a ser uma zona muito ligada ao conhecimento, à ciência e à cultura. Por isso, existem exposições com imensa frequência, grandes concertos, espetáculos de teatro.

São várias as sessões fotográficas que já fiz pelo Oriente, mas é sempre uma boa sugestão para ir passear. Deixo aqui umas fotografias da última vez que lá estive a passear e a tirar fotos com um excelente amigo, André Jardim, que me tirou estas fotos que gostei imenso. Espero que gostem!

Ed2Ed10Ed5Ed6Ed9Ed4Ed7Ed8Ed3

Tudo a correr bem por esse lado, e sejam felizes 😊

Fim de semana no Porto!

Boas pessoal!!

Antes de mais peço desculpa por não escrever muito ultimamente, mas estive fora no fim de semana passado, e com imensos trabalhos para a faculdade torna-se um pouco difícil conciliar o Blog com tudo o resto.

E, por falar em fim de semana, é mesmo acerca do último que vos vou falar neste post!

Tirar uns dias para passear pela cidade invicta é sempre uma ótima opção para descontrair. Aliando o quanto gosto do Porto à minha paixão por passear, considero que é um plano perfeito para sair um pouco da rotina, para voltar com melhores energias. Apesar de vos ter falado noutras publicações anteriores sobre esta cidade (podem consultar aqui), pois passei cá uma das semanas de férias de verão, não poderia deixar de compartilhar convosco alguns dos momentos que vivi.

Um dos sítios que me faltou visitar, e que queria muito fazê-lo no verão, foram os jardins do Palácio de Cristal. Assim, desta vez, praticamente dispensei uma tarde para passear por estes jardins e não me arrependi, de todo. Os jardins, além de serem lindíssimos, possuem uma vista espetacular para o rio Douro e para Gaia. Alguns dos recantos destes jardins fizeram-me lembrar a Quinta das Lágrimas, em Coimbra, o que tornou o passeio ainda mais especial.

Outra coisa que não poderia faltar neste passeio, além de passar pelas zonas principais, como a Avenida dos Aliados, a Ponte D. Luís e os Clérigos, foi a típica francesinha! Desta vez, decidimos experimentar a do restaurante “O Brasão”. O ambiente deste restaurante, tal como o da cidade em si, é muito acolhedor e confortável. Por isso, aconselho-vos a visitarem da próxima vezes que estiverem nesta bonita cidade.

Deixo-vos aqui algumas fotografias deste fim de semana, espero que gostem!

Ed7Ed5Ed3Ed13Ed4Ed8Ed10Ed2Ed9Ed11Ed12Ed1

Tudo a correr bem por esse lado, e sejam felizes 😊